Logo museu

Apresentação


Apresentação


O Distrito Federal ganhará um Museu de Ciência e Tecnologia, conforme publicação do Diário Oficial do DF desta quinta-feira (14). O espaço, que será construído no Setor de Divulgação Cultural, será gerido pela Secretaria de Cultura, terá 20 mil m², dos quais 9 mil serão destinados para exposições que atenderão diversos segmentos.O novo museu contará com anfiteatro, auditório, oficinas multiuso, café/restaurante, loja e o Observatório Astronômico/Planetário. O ambiente também comportará espaços temáticos, como o “Parque da Ciência”, com jogos interativos e experimentos didáticos hands-on e construção de brinquedos científicos.

Na estrutura, será projetada, ainda, “o Techné”, área que explorará as relações entre arte, ciência e tecnologia com experimentação conceitual; e o “Ciência e Tecnologia em Foco”, que será um espaço dedicado à difusão e popularização da ciência, por meio de diálogo direto entre temas pungentes da ciência e tecnologia na relação com a sociedade. A criação do Museu é baseada em conteúdos temáticos interdisciplinares, com ações que buscam a integração entre o conhecimento científico e o cotidiano das pessoas. A ideia é estimular a curiosidade, a reflexão e a investigação científicas.

Com a criação desse espaço, o GDF pretende aprimorar a formação dos professores nas áreas de ciência da natureza e suas tecnologias e promover atividades científico-culturais, além de estimular vocações científicas e contribuir para a inclusão social, favorecendo o acesso à formação na área. O processo de instituição do Museu de Ciência e Tecnologia de Brasília foi articulado pela Casa Civil da Governadoria e conta com a parceria da da Secretaria de Cultura do DF, Ministério da Ciência e Tecnologia (MCT), da Universidade de Brasília (UnB).